top of page
Buscar
  • Foto do escritorConsorcio Piemonte da Diamantina

Descubra o Piemonte: Complexo Eólico de Umburanas

Atualizado: 27 de jul. de 2023



O Conjunto Eólico Umburanas, situado no norte da Bahia, abrangendo os municípios de Sento Sé e Umburanas, representa a primeira fase do Projeto Umburanas. Esse conjunto é composto por 144 aerogeradores de 2,5 MW, distribuídos em 18 parques eólicos, totalizando uma impressionante capacidade instalada de 360 MW. Para ilustrar suas dimensões, os rotores dos aerogeradores possuem 116 metros de diâmetro, as torres medem 90 metros de altura e as pás se estendem por 56,9 metros. O projeto teve início em 2017 e foi concluído com a entrada em operação do último parque em abril de 2019. A autorização para operação desses parques eólicos é válida até 2050.


Em 2019, o Conjunto Eólico Umburanas iniciou suas operações de forma remota, sendo controlado a partir do Centro de Operação da Geração (COG) localizado na sede da ENGIE em Florianópolis, Santa Catarina. Esse empreendimento representa um marco significativo na promoção da energia renovável e contribui para a diversificação da matriz energética do Brasil, gerando benefícios socioeconômicos para a região e impulsionando a busca por um futuro mais sustentável.


O complexo eólico de Umburanas tem um impacto significativo na economia do município e do território Piemonte da Diamantina. Primeiramente, a construção e operação das turbinas eólicas geram uma demanda por mão de obra, proporcionando empregos diretos e indiretos para os moradores da cidade e de outras regiões. Esse influxo de empregos impulsiona a economia local, aumentando a renda disponível e o poder de compra da população.


Além dos empregos diretos, o complexo eólico também impulsiona a economia por meio de investimentos em infraestrutura e serviços. A construção do parque eólico demanda a aquisição de materiais e equipamentos, muitos dos quais são fornecidos por empresas locais, gerando um efeito multiplicador na cadeia produtiva da região. Além disso, o aumento da atividade econômica no município resulta em um aumento nas receitas fiscais, permitindo que a prefeitura invista em melhorias na infraestrutura local, como estradas, escolas e serviços públicos.


Outro aspecto relevante é o pagamento das compensações financeiras que o município pode receber das empresas responsáveis pelo complexo eólico. Esses recursos podem ser utilizados para financiar projetos sociais, programas de desenvolvimento sustentável e outras iniciativas que beneficiem diretamente a comunidade.


Adicionalmente, o turismo também pode ser impulsionado pelo complexo eólico, atraindo visitantes interessados em conhecer a tecnologia e os esforços da região em direção à sustentabilidade. Isso pode gerar uma nova fonte de renda para o município através de hospedagem, alimentação e atividades turísticas.


Em resumo, o complexo eólico de Umburanas tem um impacto econômico positivo, criando empregos, estimulando a atividade empresarial, aumentando a arrecadação de impostos e, potencialmente, impulsionando o turismo. Ao diversificar as fontes de receita e investir em energias renováveis, o município se torna mais resiliente às flutuações econômicas e ambientais, garantindo um futuro mais sustentável e próspero para toda a comunidade.


Ascom/Consórcio Piemonte

Jornalista: Ellen Mascarenhas


15 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page